Cuidados parentais é direito essencial das crianças

“Nenhuma criança deve crescer sozinha” é o mote da mais recente campanha da Aldeias de Crianças SOS, lançada a nível internacional. O ponto de partida é a estimativa de que dos cerca de dois mil milhões de crianças que existem no mundo, 220 milhões vivem sem cuidados parentais – o equivalente a uma em cada 10.

A campanha, presente em mais de 60 países, é lançada a propósito do Dia Internacional da Convenção dos Direitos da Criança, já a que associação acredita que contar com o cuidado de pai e mãe constitui um direito essencial. No vídeo central da campanha, a Aldeias de Crianças SOS apela a uma acção conjunta, incentivando os espectadores a juntarem-se “à maior família do mundo”.

Dados revelados pela associação em comunicado, indicam que, em Portugal, foram retiradas 8600 crianças às suas famílias, no ano passado – mais 130 do que em 2014. Actualmente, mais de 250 crianças são apoiadas pelos programas da Aldeias de Crianças SOS, em Portugal.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Fidelidade promoveu mais uma edição do encontro Pensar Maior
Automonitor
Das cinzas à estrada: O renascer de um Lamborghini Huracán