Crescimento do 5G vai ser mais rápido do que o do 4G

A partir de 2020, as subscrições do 5G vão estar disponíveis comercialmente para quem quiser adoptar a mais recente inovação no mundo da internet móvel e sem fios e a adaptação à quinta geração será ainda mais rápida do que às gerações anteriores. É esta a convicção da Ericsson que considera existirem oportunidades do 5G para a sociedade e indústria.

Com a generalização do 5G chega também maior largura de banda, preços mais baixos e menor utilização de espectro num mundo em que o fixo e o móvel se fundem, de acordo com a tecnológica. “Em 2020, iremos constatar um mundo onde a conectividade ligará tudo e todos, um mundo em que não haverá dois tipos de redes” e em que o 5G permitirá ligar até 100 vezes mais dispositivos a uma velocidade também 100 vezes maior.

Os sectores dos transportes e media serão os que mais irão beneficiar com a nova geração. As estradas, por exemplo, terão sensores, cujas baterias deverão durar anos, que enviarão informações em tempo real sobre o trânsito, temperaturas e eventuais danos ou perigos.

Já os media, em especial a televisão, terão direito a emissões mais eficazes sem recurso a um único fio. De acordo com a Ericsson, “nascerá um novo modelo de fornecimento de conteúdo e um massificado ambiente de televisão personalizada”. “Vamos beneficiar da verdadeira TV Anywhere personalizada”, conclui.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Outubro 2019
Automonitor
Kapten lança função de arredondamento solidário