Corticeira Amorim regista melhores resultados de sempre

corticeira-amorim22011 foi o melhor ano de sempre da Corticeira Amorim, no que respeita a vendas e resultados. Como noticia o económico OJE, foi o negócio das rolhas que assumiu um papel crucial ao nível das vendas consolidadas.

A empresa liderada por António Amorim revelou que a rolha de cortiça ganhou quota de mercado face aos vedantes de plástico e alumínio, o que gerou vendas a máximos de 494,8 milhões de euros, um crescimento de 8,3% comparativamente com o período homólogo. Já o resultado líquido cifrou-se nos 25,274 milhões de euros, um incremento de 23,1% face ao exercício anterior.

Também a inovação chamou a si um papel de relevo nas vendas, já que a unidade de negócios de revestimento cresceu 10% em 2011, fruto do aumento da procura do novo conceito de pavimento flutuante LVT. A unidade de isolamento, por sua vez, que regista uma elevada dependência dos mercados europeus de construção e de reconstrução, não aumentou as vendas. O cenário na Europa, na segunda metade do ano, foi complicado, e a facturação do Médio Oriente não permitiu compensar as quebras.

A unidade de rolhas impactou o EBITDA consolidado, tendo registado 37,4 milhões de euros, e as matérias-primas 19,6 milhões de euros. Tendo em linha de conta os dois últimos exercícios, foi a unidade de revestimentos que registou a subida mais expressiva, tendo o EBITDA aumentado de 6,3 milhões para 10,3 milhões de euros.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)