Correr de Renault ao peito

Running e Renault podem não ter uma associação imediata, mas é isso mesmo que a marca automóvel quer mudar ao lançar um clube de corrida. Francis Obikwelu é o patrono do projecto que pretende colocar Lisboa a correr de Renault ao peito

Texto de Filipa Almeida

Foto de Pedro Simões

Ligada ao running desde 2014, a Renault Portugal quis ir mais longe e aprofundar a relação com a modalidade, que atrai um número cada vez maior de participantes. Ricardo Oliveira, director de Comunicação e Imagem, explica que pareceu lógico associar a marca a um fenómeno de massas como este, recorrendo para isso à gama de automóveis eléctricos e livres de emissões.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Abril de 2017 da revista Marketeer.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual