Consumo sentimental aumentou 49% desde 2014

Os consumidores, a nível global, estão a gastar cada vez mais dinheiro em prendas para pessoas de quem gostam para o Dia dos Namorados. Segundo o “Mastercard Love Index” deste ano, o gasto sentimental aumentou 49% desde 2014, sendo que o relatório tem por base exclusivamente as compras efectuadas com recurso a cartão.

O mesmo índice revela ainda que a maioria das compras ainda é feita em pontos de venda físicos mas que as aquisições online estão a ganhar terreno, tendo crescido 37% no mesmo período de tempo. Além disso, os consumidores mais românticos demonstram deixar as compras de São Valentim para a última hora, com um registo de 47,4 milhões de transacções realizadas no dia 13 de Fevereiro, em todo o mundo.

Quanto ao presente preferido, o “Mastercard Love Index” indica que as transacções em restaurantes subiram 102% desde 2014. No caso da Europa, a maioria dos gastos (35%) com o Dia dos Namorados tem como destino hotéis/motéis, apontando para um crescimento de 50% em três anos. O maior crescimento, porém, também se verificou na restauração que, na Europa, aumentou 67%.

Paulo Raposo, country manager da Mastercard em Portugal, acredita que o índice é um bom instrumento para os lojistas perceberem as tendências de consumo relacionadas com o dia mais romântico do ano. «E uma coisa é certa. O dia 14 de Fevereiro tornou-se mais popular do que nunca», conclui o responsável.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
A sua empresa pode fazer sorrir crianças hospitalizadas. Saiba como.
Automonitor
Trotinetes elétricas: guia para circular em segurança