Conheça as ideias “verdes” do ano

Green-Project_2Já são conhecidos os vencedores da 6ª edição dos Green Project Awards (GPA) em Portugal – evento do qual a Marketeer é parceira -, uma iniciativa co-organizada pela Agência Portuguesa do Ambiente, GCI e Quercus com o objectivo de promover a partilha de boas práticas que fomentem o empreendedorismo, a inovação, o desenvolvimento sustentável e a economia verde.

Esporão (na categoria Agricultura, Mar e Turismo), UCASUL – União de Cooperativas (Investigação & Desenvolvimento), Administração Hidrográfica dos Açores da Direcção Regional do Ambiente (Information Technology), EPAL (Gestão Eficiente de Recursos), Ecologicalkids (Produto/Serviço), ASPEA – Associação Portuguesa de Educação Ambiental (Iniciativa de Mobilização SIC Notícias) e Associação de Estudantes da Escola Secundária João de Deus, em Faro (Iniciativa Jovem – Projecto 80) foram os grandes vencedores nas sete categorias a concurso. Os projectos vencedores na edição deste ano foram, respectivamente, a produção biolólogica de vinha, a valorização do bagaço de azeitona, a rede hidrometeorológica dos Açores, a gestão do controlo de perdas de água, fraldas reutilizáveis, a conservação e melhoria dos sistemas fluviais e o reconhecimento das problemas da cidade de Faro.

Os premiados vão poder utilizar na sua comunicação institucional e corporativa o selo Green Project Awards, sendo que, no total, foram distinguidos 19 projectos – sete vencedores, 11 menções honrosas e um prémio Melhor Obra Original, atribuído a Dinis Leitão. Quanto aos estudantes vencedores do prémio Iniciativa Jovem – Projecto 80 (uma novidade desta edição) terão a oportunidade de visitar as instituições europeias em Bruxelas, durante duas semanas.

A cerimónia de entrega dos prémios teve ontem lugar na Fundação Champalimaud, em Lisboa, e contou com a presença do ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia, Jorge Moreira da Silva, e da ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas. A cerimónia ficou ainda marcada pela conferência “Mobilizar Portugal para a Economia Verde”.

Recorde-se que os GPA, criados em 2008, começaram por ser realizados apenas em Portugal e no Brasil, mas este ano foram alargados a Moçambique, Cabo Verde e Angola.

Os GPA Portugal contam com o Alto Patrocínio da Presidência da República e da Comissão Europeia, através do Comissário Europeu para o Ambiente, e o apoio institucional do Governo de Portugal e da CPLP – Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

 

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Desafio Global reforça equipa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual