Confusão afasta clientes do Pingo Doce

pingo_doce_interiorQuase 1 em cada 4 pessoas não teve conhecimento da campanha 50% do Pingo Doce que decorreu no dia 1 de Maio em todas as lojas desta cadeia a nível nacional. Dos inquiridos que souberam da campanha, 71% tomou conhecimento da mesma no próprio dia, enquanto que quase 30% soube antes do dia da promoção. Estes são alguns dos dados resultantes do estudo independente levado a cabo pela Netsonda a uma amostra de 250 pessoas para tentar perceber o impacto da campanha assim como aferir qual o canal através do qual os consumidores tomaram conhecimento da promoção (já que foi apenas comunicada oficialmente no próprio dia), que motivações os fizeram ir ou não às lojas do Pingo Doce, o que acharam da promoção e de que forma pensam que esta acção contribuiu para a imagem do Pingo Doce.

Segundo dados da Netsonda, o meio que mais contribuiu para as pessoas tomarem conhecimento da campanha foram as conversas pessoais com amigos / familiares (35% daqueles que tiveram conhecimento da campanha), seguido das notícias (25%), das redes sociais (13%) e de telefonemas (10%) ou SMS (7%) de amigos ou familiares.

Da totalidade dos inquiridos que tiveram conhecimento da promoção, 18% aproveitou-a. Mas foram os inquiridos que geralmente frequentam o Pingo Doce que mais aproveitaram a promoção. Apesar de terem tido conhecimento da promoção 82% dos inquiridos não a aproveitaram e a principal razão para isso foi o facto de existir “muita confusão/tempo de espera” nas lojas (54% dos que sabiam da promoção mas não aproveitaram). A par disso, 17% dos que estavam informados não aproveitaram porque tinham feito compras recentemente e 6% não tinham uma loja perto de si.

Quando questionados se aproveitariam uma promoção semelhante, se esta fosse realizada de novo 72% do total dos inquiridos refere que sim. Esta resposta é mais elevada nos indivíduos com idades até aos 44 anos.

No que respeita à imagem, no mesmo inquérito a Netsonda concluiu que 59% dos entrevistados refere que esta promoção Favoreceu ou Favoreceu muito a imagem do Pingo Doce. E aqui, mais uma vez, esta opinião é mais forte nos indivíduos com idades até aos 44 anos.

A recolha de informação para estes estudo decorreu entre os dias 3 e 7 de Maio de 2012 , tendo sido definida uma amostra global composta por 250 indivíduos residentes em Portugal (54% homens e 46% mulheres), com idades superiores a 16 anos ou mais, responsáveis ou co-responsáveis pelas compras, durante os dias 3 a 7 de Maio de 2012, o que corresponde a uma margem de erro de +/-6%, para um intervalo de confiança de 95%.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Portugal atraiu 610 estrangeiros «altamente qualificados» através deste programa
Automonitor
Regulamento da mobilidade elétrica obriga a celebrar contratos de adesão