Como é que o Pai Natal paga os presentes? Época festiva pode ser o momento para ensinar a gerir dinheiro

Na infância, a última das preocupações que qualquer criança tem é sobre como é que o Pai Natal consegue pagar todos os presentes que oferece. Mas é na adolescência que os mais novos devem começar a ser mais responsáveis financeiramente e o Natal apresenta-se como uma boa ocasião para transmitir algumas dicas.

Os especialistas da Revolut <18, uma conta Revolut concebida especialmente para jovens dos 6 aos 17 anos, identificaram alguns conselhos que poderão ajudar os adolescentes a atingirem os seus objectivos financeiros, enquanto criam hábitos saudáveis durante a época festiva.

  1. Faça desta jornada um jogo: deixe-os escolher um objectivo e um prazo

Junte-se aos mais novos para os ajudar a atingirem os seus objectivos de poupança, a escolherem algo para comprarem, e a definirem um prazo. Para os jovens, estabelecer um objectivo é importante para terem uma visão clara da meta, e aprenderem a organizar as coisas que querem. Irão aprender, com o tempo, que não é possível ter tudo de uma vez, especialmente quando há dinheiro envolvido. Quer seja um novo par de sapatilhas, uma bicicleta, ou um smartphone, primeiro precisam de entender no que se devem concentrar, e identificar um prazo razoável para o montante final que precisam de atingir.

  1. Criem um plano em conjunto

Definam todos os passos necessários para alcançarem o objectivo: quanto terá de ser poupado, como reduzir despesas de modo a poupar mais, etc. Tente ajudar ao sugerir alguns truques de poupança, (p. ex. juntarem-se com amigos em casa em vez de irem sair com tanta frequência)

  1. Pense nos extras

Definam uma lista de métodos adicionais para ganhar mais dinheiro, com tarefas como ajudar os pais/avós, limpar o quarto regularmente, ler mais livros, ter melhores notas ou participar em actividades extra-curriculares na escola.

«Acreditamos que é de extrema importância ensinar os mais novos a lidarem com dinheiro, e a serem mais responsáveis. No entanto, sabemos que isto requer prática e motivação, e daí o Natal ser um ponto de partida ideal para lhes ensinar a não tomarem por garantido o dinheiro e as prendas, ao mesmo tempo que lhes mostramos o quão recompensador pode ser o desafio de poupar dinheiro», diz em comunicado, Tara Massoudi, general manager de Produtos Premium na Revolut.

Ler Mais



loading...
Artigos relacionados

Comentários estão fechados.