CEO da McDonald’s retira-se no final de Junho

skinner-mcdonaldsOito anos depois de ter assumido a função de presidente executivo da McDonald’s, Jim Skinner prepara-se para ceder o cargo a Don Thompson, até agora Chief Operating Officer (COO) da cadeia de fast food.

Skinner, 61 anos de idade, abandona o cargo a 30 de Junho, sendo que a passagem de testemunho será consumada no dia seguinte (1 de Julho), com a entrada em funções de Don Thompson, 48 anos, anunciou a McDonald’s ontem em comunicado, citado pela agência Bloomberg. Para além de COO, Thompson acumula, desde Janeiro de 2010, o cargo de presidente da companhia americana.

De acordo com a Bloomberg, Jim Skinner vai também abandonar a vice-presidência do Conselho de Administração da maior cadeia de restaurantes do mundo. O ainda CEO prepara-se, desta forma, para pôr cobro a uma carreira de 41 anos na McDonald’s, onde começou como estagiário de Gestão. Quanto a Don Thompson, trabalha na empresa há 22 anos, tendo-se iniciado como engenheiro eléctrico. Entre 2006 e 2010, presidiu à unidade da companhia nos Estados Unidos.

Foi durante a liderança de Jim Skinner que a McDonald’s ultrapassou o valor de 100 mil milhões de dólares (aproximadamente 76 mil milhões de euros) em termos de capitalização bolsista, lembra no comunicado Andy McKenna, presidente doConselho de Administração da companhia, citado pela Exame brasileira.

De acordo com a Bloomberg, desde 2004, ano em que Skinner assumiu as rédeas da McDonald’s, as receitas da empresa sedeada em Oak Brook, Illinois, aumentaram 42%. No ano passado, a companhia, que detém mais de 33 mil restaurantes – 80% dos quais em regime de franchising – apresentou receitas no valor de 27 mil milhões de dólares (cerca de 20,5 mil milhões de euros).

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
O impacto da Inteligência Emocional nas empresas
Automonitor
Está grávida? Veja o que deve (e não deve) fazer se for conduzir