Cartões Zapping apostam na Margem Sul

A partir de hoje, já é possível utilizar o cartão Zapping para viajar na Fertagus e no Metro Transportes do Sul, aumentando a oferta para a margem Sul do Tejo. Até aqui, a Soflusa e a Transtejo, responsáveis pela travessia de barco, eram as únicas empresas de transportes com actividade no outro lado do rio abrangidas pelo serviço.

O Zapping, destinado ao uso ocasional dos transportes públicos, está, agora, presente em sete operadores. O mesmo cartão serve ainda para viajar na Carris, na CP e no Metropolitano de Lisboa, sendo que para cada caso existem condições diferentes.

O título é válido em toda a rede do serviço regular da Carris durante uma hora, ao passo que nos comboios urbanos de Lisboa da CP tem a duração de duas horas. No caso do Metropolitano de Lisboa, o Zapping é válido em toda a rede para uma viagem e no grupo Transtejo é válido em todas as ligações fluviais para a Margem Sul para uma viagem.

Para viagens com a Fertagus, o Zapping pode ser utilizado em toda a rede, mas é obrigatória a pré-selecção do destino numa máquina automática da operadora bem como a validação antes do início do percurso. No Metro Sul do Tejo, o título é válido para uma viagem em toda a rede.

A partir de agora, o carregamento do cartão tem de ter um valor mínimo de três euros, sendo que a partir daí só podem ser efectuados carregamentos múltiplos de cinco euros, até um saldo máximo de 40 euros. As mudanças continuam com o fim dos bónus de carregamento.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Novas contratações reforçam a LLYC
Automonitor
Bentley Flying Spur com novo acabamento Blackline