Campanha da Yves Saint Laurent envolta em polémica

Uma campanha da Yves Sanit Laurent lançada por ocasião da Semana da Moda de Paris está a gerar controvérsia. Nos anúncios, surgem modelos com collants de rede de pernas abertas para a câmara, num total de quatro imagens diferentes.

A Autorité de Régulation Professionelle de la Publicité já pediu à marca de moda para que retirasse a campanha. Stéphane Martin, director desta entidade francesa responsável por regular a publicidade, afirma, que são postas em causa as regras da publicidade estabelecidas no país relativamente às noções de decência e dignidade.

Citado pela AdAge, refere ainda que as imagens infringem também as regras relativas à proibição de submissão, violência e dependência, bem como uso de estereótipos em campanhas publicitárias. Além disso, os anúncios da Yves Saint Laurent também poderão prejudicar o público adolescente.

«Devido à postura das mulheres, que se apresentam como se se oferecessem a quem passa, estas imagens retratam a mulher como um objecto e sugerem uma ideia de submissão sexual. Elas trivializam estereótipos sexistas e, por isso, é possível que choquem a sensibilidade do público», conclui o responsável.

Desde que os anúncios surgiram na passada sexta-feira, a Autorité de Régulation Professionelle de la Publicité  já recebeu mais de 120 queixas, avança a mesma publicação. A campanha resulta de uma colaboração da Yves Saint Laurent com a dupla holandesa Inez e Vinoodh.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
7 formas para se voltar a apaixonar pelo seu trabalho
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo