Brisa quer todos os condutores “offline”

“Offline na condução, online na vida” é o mote da mais recente campanha de segurança rodoviária da Brisa, que pretende sensibilizar os condutores para o perigo da utilização do telemóvel durante a condução.

A campanha faz o paralelismo entre as inovações tecnológicas que estão hoje presentes nos smartphones (como câmaras de alta resolução e processadores poderosos) e a potência de um automóvel ou motociclo. Ambos estão “na mão” dos utilizadores, mas não podem ser utilizados ao mesmo tempo, defende a Brisa, que desta forma pretende transmitir a mensagem de que “o uso do telemóvel durante a condução é cada vez mais perigoso para todos os condutores”.

De acordo com os dados divulgados pela Brisa, é seis vezes mais provável ocorrer um acidente devido à troca de mensagens de texto durante a condução do que conduzir embriagado. Apesar disso, em Portugal, 47% dos condutores admite falar ao telemóvel enquanto conduz, seja através do sistema mãos livres ou directamente manipulando o telemóvel.

A campanha de Brisa conta com o apoio institucional da ANSR – Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, IMT – Instituto da Mobilidade e dos Transportes, FMP – Federação Motociclismo Portugal e BP.

Veja aqui o filme da campanha:

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Airbus vai ter open day. Há 90 vagas para fábrica portuguesa
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift