Breadfast compra concorrente A Tigela Nova

A Tigela Nova vai passar para as mãos da Breadfast, levando a que a startup especializada na entrega de pequenos-almoços ao domicílio assuma o título de maior grupo português no sector. Em comunicado, a Breadfast indica que a Tigela Nova era sua concorrente directa e que a operação promete unir as potencialidades das duas marcas.

Mário Tarouca, fundador da Breadfast, considera que ambas têm o mesmo objectivo: oferecer um pequeno-almolo de qualidade aos habitantes e turistas na área de Lisboa. «Acreditamos que este passo resultará numa optimização dos nossos processos e, consequentemente, numa maior capacidade de produção e num serviço melhorado para os nossos clientes», adianta, em comunicado.

Mário Tarouca indica ainda que pretendem facilitar o processo de transição, mantendo a carteira de clientes da Tigela Nova. Florian Matzke, criador da Tigela Nova, reitera que os valores das duas marcas são os mesmos: «Por isso, estamos confiantes de que a transição será rápida e natural, a começar pela integração dos colaboradores.»

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual