Banco Alimentar propõe novo tipo de rede social

E se, em vez de partilhar fotografias e vídeos, partilhasse alimentos com famílias que precisam? O Banco Alimentar contra a Fome desafia os portugueses a trocarem a rede social dos likes e comentários por uma rede social em que a partilha tem mais valor.

“Adira a esta rede social e partilhe o que é realmente importante” é o mote da nova campanha da organização liderada por Isabel Jonet. Com criatividade assinada pela Winicio, está presente em televisão, imprensa, mupis e rádio.

A campanha serve também para dar conta da nova acção de recolha de donativos do Banco Alimentar, que irá decorrer nos dias 30 de Novembro e 1 de Dezembro em supermercados de Norte a Sul do País. A iniciativa estende-se ao mundo online, onde se prolonga até 8 de Dezembro.

“Quisemos apelar à população em geral para que olhasse para as suas redes sociais muito para além dos ecrãs. No nosso dia-a-dia podemos aderir a acções como esta do Banco Alimentar e fazer a diferença de forma muito mais real e significativa”, comenta a Winicio.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Deloitte tem nova liderança no Marketing e Comunicação
Automonitor
Elétricos: Galp vai inaugurar primeiro ponto de carregamento em São Miguel