Apple com melhor trimestre de sempre

Apesar de ter perdido o primeiro lugar no top da Brand Finance relativo às marcas mais valiosas, a Apple apresentou resultados financeiros optimistas. A tecnológica está de regresso ao crescimento, registando 78,35 mil milhões de dólares (72,6 mil milhões de euros) de receitas, no quarto trimestre do ano passado, o que equivale a uma subida de 3% face ao período homólogo anterior.

As vendas de iPhones, que totalizaram cerca de 78 milhões de unidades no trimestre, aumentaram 5%. Da receita total da Apple, o iPhone foi responsável por 54,38 mil milhões de dólares (50,4 mil milhões de euros), de acordo com a Campaign. As receitas dos computadores Mac ascenderam aos 7,24 mil milhões de dólares (6,7 mil milhões de euros) e as do iPad aos 5,5 mil milhões de dólares (5,09 mil milhões de euros).

Outros produtos, como o Apple Watch, conquistaram receitas de 4,02 mil milhões de dólares (3,7 mil milhões de euros). Por seu turno, a divisão de serviços da Apple, onde se inclui a App Store, Apple Music e iCloud, registaram receitas no valor de 7,17 mil milhões de dólares (6,6 mil milhões de euros).

As vendas internacionais da Apple tiveram um peso de 64% na receita total do quarto trimestre, sendo que todas as regiões em que a tecnológica opera registaram uma evolução positiva com excepção da China. A receita na Europa cresceu 3% para 18,52 mil milhões de dólares (17,15 mil milhões de euros).

De acordo com Tim Cook, CEO da Apple, este foi o melhor trimestre de sempre para a empresa, tendo em conta a receita. Citado pelo Financial Times, o responsável avançou ainda que o número de iPhones vendidos também quebrou o recorde.

O lucro, por outro lado, recuou. A Apple passou de um resultado líquido de 18,36 mil milhões de dólares (17 mil milhões de euros) para 18,89 mil milhões de dólares (17,5 mil milhões de euros), nos três meses que terminaram em Dezembro de 2016.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Page Assessment tem novo Executive manager
Automonitor
Conselhos para conduzir à chuva