Amazon vai fazer entregas com… drones

amazon_2A gigante do comércio electrónico Amazon está a preparar um sistema de entregas com recurso a drones (veículos aéreos não tripulados) que permitirá entregar os bens adquiridos na casa dos clientes apenas 30 minutos após a compra. «Eu sei que parece ficção científica, mas não é», disse ontem Jeff Bezos, CEO da Amazon, no programa norte-americano “60 Minutos”, onde fez o anúncio.

O serviço chama-se “Amazon Prime Air” e não deverá estar operacional antes de 2015, dependo da aprovação do regulador norte-americano da aviação, a FAA. Os “octocopters” (como a empresa apelida os drones) permitirão à Amazon entregar pequenas encomendas, isto é, até um máximo de 2,3 kg, o que «cobre 86% dos itens que entregamos», segundo Jeff Bezos. Além disso, as entregas ficarão restritas a um raio 16 km de distância entre o ponto de partida (os centros de distribuição da empresa nos EUA) e de entrega (as casas dos clientes) do drone.

Os drones receberão a ordem por via eletrónica, dirigir-se-ão ao armazém para buscar a encomenda e depois levantarão voo para o destino indicado por GPS. Após depositarem a encomenda no sítio indicado, irão regressar à base, explicou o líder da Amazon. «São efectivamente drones, mas não há qualquer razão para que não sejam usados como veículos de distribuição», afirmou Jezz Bezos. «O maior desafio é conseguir colocar [nos drones] toda a segurança e sistemas que precisamos para dizer: “Isto não pode aterrar na cabeça de alguém que está a passear na rua”», acrescentou.

Recorde-se que a utilização dos drones em contexto militar tem estado sob grande debate nos EUA, razão pela qual a utilização destes dispositivos, mesmo enquanto veículos de distribuição, poderá demorar alguns anos até ser aprovada pelas autoridades norte-americanas.

De acordo com a BBC, o espaço aéreo civil deverá ser aberto a todo o tipo de drones em 2015 nos EUA e no ano seguinte na Europa. “Do ponto de vista da tecnologia, estaremos prontos para começar as operações comerciais assim que as regulamentações necessárias estejam aprovadas”, garante a Amazon. “Um dia, os veículos Prime Air serão tão normais de ver quanto os camiões na estrada”, vaticina.

A Amazon até já divulgou um vídeo onde mostra um dos seus drones em funcionamento. Assista aqui ao vídeo:

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)