Aliança à vista entre Peugeot e General Motors

Peugeot e GMO ministro do trabalho francês Xavier Bertrand anunciou hoje que a PSA Peugeot Citroen está em negociações para uma possível aliança com a norte-americana General Motors (GM).

Em entrevista à rádio Europe 1, citada pela agência Bloomberg, Xavier Bertrand revelou que foi informado ontem pelo CEO da PSA Peugeot Citroen, Philippe Varin, acerca das discussões em curso com o maior fabricante automóvel do mundo, a General Motors. O anúncio do ministro francês surge um dia depois de o jornal francês La Tribune ter avançado no seu site que as duas construtoras estão em conversações há vários meses, e levou já as acções da maior fabricante francesa a subirem até 13% para 16,24 euros na bolsa parisiense, o valor mais elevado desde Abril de 2009.

Ontem, a Peugeot divulgou, em comunicado, que estava em negociações para eventuais parcerias, sem especificar os interlocutores. Do lado da General Motors, também não houve ainda confirmação oficial. “Nós falamos regularmente com outros [players] da indústria”, disse simplesmente Johan Willems, porta-voz da fabricante americana, citado pela Bloomberg.

Certo é que o acordo traria benefícios para ambas as construtoras. Em 2011, as vendas da PSA Peugeot Citroen na Europa recuaram 8,8% para 1,68 milhões de veículos vendidos. Na semana passada, a fabricante francesa anunciou que planeia vender acções no valor de 1,5 mil milhões de euros para reduzir a dívida, que ascende a 3,4 mil milhões de euros. Em Portugal, a empresa prepara-se para eliminar 350 postos de trabalho, com a supressão do terceiro turno laboral, na sua unidade localizada em Mangualde.

Quanto à General Motors, debate-se com uma sequência de maus resultados na região europeia, onde não regista lucros há uma década. Apesar de ter registado um lucro recorde de 9,19 mil milhões de dólares (aproximadamente 6,95 mil milhões de euros) no ano passado, o grupo viu a sua unidade europeia – que inclui a marca Opel – apresentar um prejuízo de 747 milhões de dólares (cerca de 564,8 milhões de euros).

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Pela diversidade no local de trabalho
Automonitor
Porsche mostra versão mais acessível do Taycan