Alcatel alarga reestruturação à administração

A fabricante francesa de equipamentos de telecomunicações Alcatel-Lucent anunciou que pretende realizar alterações ao seu conselho de administração, como parte de um plano de reestruturação através do qual a empresa espera poupar cerca de 1,25 mil milhões de euros até 2013.

De acordo com informações avançadas pela empresa, citadas pelo The Wall Street Journal, o financial chief, Paul Tufano, acumulará o cargo de chief operating officer, supervisionando todo o negócio da Alcatel-Lucent. Robert Vrij, presidente para a região americana, tornar-se-á presidente de vendas globais e marketing, enquanto Philippe Keryer, antigo presidente de redes, será presidente de redes e plataformas.

«Estamos a colocar no terreno um mecanismo simples, porém robusto, que nos permita garantir que a Alcatel-Lucent atinge o seu objectivo de poupar 1,25 mil milhões de euros até ao final do próximo ano», afirmou Ben Verwaayen, presidente executivo da empresa, citado pelo The Wall Street Journal.

A mesma publicação refere que a Alcatel-Lucent tem enfrentado dificuldades financeiras praticamente desde que foi formada em 2006, a partir da fusão entre a Alcatel e a Lucent Technologies. Segundo o The Wall Street Journal, a integração foi lenta, para além de que a empresa tem sido prejudicada pela menor procura mundial por redes de telecomunicações.

Em Julho passado, a empresa já havia anunciado um plano para eliminar cinco mil postos de trabalho e reorganizar o seu negócio com o intuito de se concentrar nos seus clientes e áreas rentáveis, depois de ter apresentado um prejuízo de 254 milhões de euros no segundo trimestre do ano.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Bem-estar financeiro dos colaboradores.Também é uma responsabilidade das empresas?
Automonitor
Das cinzas à estrada: O renascer de um Lamborghini Huracán