Aeroportos para o Mundial na África do Sul terão tecnologia portuguesa

mundial_2010_logo7000b796_630x354Um grupo de 20 engenheiros portugueses da Siemens vai viajar para a África do Sul, já em Abril, para erguer, em apenas quatro meses, dois aeroportos temporários nas cidades de Port Elizabeth e Bloemfontein, para dar resposta ao pico de passageiros previsto para o Campeonato Mundial de Futebol 2010.

Assim, no início do Verão, 1800 m2 com balcões de check-in, tapetes rolantes, máquinas de raios X, portas de embarque, instalações eléctricas, de água e esgotos, soluções de segurança e de tecnologia de informação, deverão estar prontos para receber 300 passageiros por hora.

O Siemens Capacity Plus é um conceito desenvolvido por engenheiros portugueses e já implementado no Aeroporto de Doha, no Qatar, para os XV Jogos Asiáticos de 2006, num projecto que envolveu 200 pessoas durante oito meses. O Terminal 2 do Aeroporto de Lisboa, construído em 2007, ficou a cargo da mesma equipa. Esta área de negócio da Siemens, que gerará já qualquer coisa como 40 milhões de euros de receitas, justificou o estabelecimento de um Centro de Competências para Terminais Aeroportuários Modulares em Portugal.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Nestlé tem novo responsável de Healthy Cereals & Dairy Culinary Solutions
Automonitor
Os peculiares protótipos que a Daihatsu vai levar a Tóquio