À descoberta de um novo continente

MARKETEER CONTENTS

Depois da Europa, Ásia e África, a estratégia de internacionalização da Fidelidade levou a presença da seguradora a um novo continente. Desta vez, a companhia detida pela Fosun chegou à América Central, nomeadamente ao Peru. Tal foi possível através da compra de 51% da seguradora La Positiva Seguros y Reaseguros, empresa fundada em 1937, um negócio que já havia sido anunciado em Março do ano passado, tendo sido concluído no primeiro mês de 2019. Quanto ao valor, o acordo da aquisição ficou selado com um negócio de 93,5 milhões de euros.

A finalização da aquisição da posição de controlo da companhia peruana, com a conclusão da Oferta Pública de Aquisição (OPA), permite a entrada da Fidelidade no mercado latino-americano. Este feito ganha ainda mais relevância tendo em conta a plena concorrência da Fidelidade com algumas das maiores companhias de seguros europeias e americanas. Esta aquisição marca, assim, a entrada da Fidelidade no mercado latino-americano, permitindo à seguradora portuguesa diversificar o seu âmbito de actuação, desenvolver novas oportunidades para o crescimento do negócio, consolidando assim a sua presença internacional, que chega já a quatro continentes.

«A conclusão deste processo de aquisição é mais um passo na consolidação da estratégia de internacionalização da Fidelidade, aproveitando o potencial de crescimento económico sustentado do mercado peruano, marcando, também, o início da nossa expansão na América Latina», afirma Jorge Magalhães Correia, presidente do Grupo Fidelidade. Andreas von Wedemeyer, presidente da La Positiva Seguros y Reaseguros, congratula-se, igualmente, pelo desfecho desta operação. «Estamos convencidos de que, com a liderança da Fidelidade e o contínuo compromisso com os nossos accionistas e clientes, podemos continuar a crescer no mercado segurador.

Para além disso, com o acréscimo de uma gama maior de produtos, o nosso conhecimento e a experiência do cliente, bem como a melhoria dos processos e a tecnologia que a Fidelidade irá trazer, será possível aumentar a nossa participação no mercado peruano.»

Cinco anos no topo

A Fidelidade foi eleita, pelo quinto ano consecutivo, a “Escolha do Consumidor”, na categoria dos seguros. Os consumidores portugueses escolheram pelo quinto ano consecutivo a Fidelidade como a “Escolha do Consumidor 2019”, na categoria de seguros, distinguindo ainda a seguradora que é líder de mercado, pelo segundo ano, com o galardão “Escolha do Consumidor Excellentia 2018”.

Em causa está a “adopção das melhores práticas organizacionais orientadas para o cliente”. Promovida pelo ConsumerChoice – Centro de Avaliação da Satisfação do consumidor, a Escolha do Consumidor faz inquéritos ao consumidor português, que avalia e distingue anualmente as melhores marcas em Portugal, seleccionadas pelo grau de satisfação que proporcionam aos consumidores. «A Fidelidade destacou-se pela confiança na marca, relativamente à transparência e clareza da informação e serviços disponibilizados, bem como pelo atendimento e capacidade de adaptação às necessidades dos consumidores e personalização da sua oferta de produtos e serviços», diz a companhia de seguros liderada por Jorge Magalhães Correia.

Com a atribuição destes prémios, que identificam as marcas mais valorizadas pelos consumidores portugueses, «a Fidelidade reforça o seu posicionamento enquanto grupo segurador mais premiado em Portugal», adianta o comunicado.

Premiada com o Óscar do Desporto

A Confederação Portuguesa do Desporto (CPD) distinguiu a Fidelidade, na 23.ª Gala do Desporto, com o prémio Personalidade do Ano, pelo apoio contínuo da seguradora ao desporto, numa cerimónia que teve lugar no Casino Estoril. Segundo António Noronha, administrador da seguradora, explica que esta distinção «premeia o apoio que a Fidelidade tem dado à vela de forma ininterrupta nos últimos 17 anos, reforçando a nossa aposta no desporto, em geral, e nesta modalidade, em particular». Os Prémios “Desportistas do Ano” foram dominados, esta edição, pelo atletismo, canoagem, futebol e o desporto para pessoas com  deficiência.

A Confederação do Desporto prestou também uma homenagem aos campeões mundiais e europeus (seniores e juniores) e às Personalidades do Ano indicadas pelas Federações Desportivas. A cada ano, a CDP organiza a cerimónia dos “Óscares do Desporto Português”, para celebrar com os atletas e dirigentes desportivos e as suas conquistas e também para distinguir os melhores desportistas da época finda, nas categorias de atleta masculino, feminino, equipa, treinador e jovem promessa. Subordinada ao tema “Desporto para Todos”, esta gala decorreu no âmbito dos Jogos Mundiais de Desporto para Todos, que acontecerá em 2020, em Lisboa, iniciativa na qual a CDP está envolvida.

Foco nos mais novos

O Grupo Fidelidade estabeleceu uma parceria em Angola com o objectivo de promover o bem-estar e a saúde de crianças e jovens, uma medida no âmbito da sua política de responsabilidade social, cidadania e desenvolvimento sustentável. Através da colaboração com o Projecto Pequena Semente, a Fidelidade Angola vai desenvolver acções específicas e disponibilizar médicos e enfermeiros do corpo clínico da seguradora para apoiar o crescimento saudável e sustentado desta população, bem como para diagnosticar, tratar e prevenir comportamentos de risco e patologias habitualmente não diagnosticadas.

Procurando incentivar a adopção de comportamentos saudáveis dos jovens para a prevenção da doença na idade adulta, a Fidelidade pretende, através desta acção, desenvolver um plano de prevenção de comportamentos de risco junto desta população para ajudar a construir um futuro mais promissor e saudável. «A Fidelidade tem procurado agir como um actor responsável no contexto social, dando o exemplo, não só internamente, ao nível dos recursos humanos, mas também externamente, através da criação e implementação de projectos de valor que contribuam para o desenvolvimento sustentável das comunidades onde actuamos.

Procuramos promover a cidadania, as boas práticas sociais, o desenvolvimento e o crescimento das comunidades mais desfavorecidas, e devolver-lhes, tanto quanto possível, a sua autonomia », enaltece Armando Mota, CEO da Fidelidade Angola. O Projecto Pequena Semente apoia a comunidade onde se insere e é um exemplo de perseverança, resiliência e força. Integra o “Orfanato Mãe Grande”, que alberga cerca de 75 crianças, uma escola até ao segundo ciclo, que apoia quase 400 crianças da comunidade do Cacuaco, uma biblioteca, um refeitório e ainda uma fábrica de gelo, que ajuda a sustentar o projecto e a ajudar as crianças a crescerem, para que se tornem membros produtivos e responsáveis da sociedade.

Reforço da proximidade

Inspirada nas pessoas que superam as adversidades para que a vida não pare, a Fidelidade lançou, em Dezembro do último ano, uma campanha institucional, com o intuito de reforçar o seu compromisso de acompanhar, em qualquer momento, os seus clientes. Assente no conceito criativo “A Fidelidade continua”, a campanha apresenta a Fidelidade como a seguradora que está sempre presente com soluções de protecção adequadas, não só em termos de assistência que presta quando os imprevistos acontecem, mas também no apoio e  acompanhamento que assegura em momentos que exigem maior dedicação e cuidado, como os ocorridos com os incêndios de 2017 ou, mais recentemente, com a tempestade Leslie.

A campanha é, simultaneamente, uma mensagem de orgulho e de dedicação a todos os que são Fidelidade, que continuam juntos na protecção e na assistência a cada pessoa, que superam muitas vezes os seus limites e seguem em frente para estar lá para quem precisa. É, sobretudo, um reforço de compromisso com os clientes, com todos os que confiam na companhia para assegurar a sua protecção e que contam com o seu apoio e acompanhamento, quando necessitam de assistência ou quando a vida exige superação para que a vida não pare. «Queremos estar perto dos nossos clientes, apoiando quando é necessário.

Apenas no passado ano tratámos mais de três milhões de situações de saúde, enquanto nos restantes ramos resolvemos perto de 900 mil sinistros. No total, as indemnizações representaram mais de 525 milhões. Penso que estes números falam por si e no papel estrutural que temos na vida dos nossos clientes», referiu Alvarez Quintero, administrador da Fidelidade, aquando do lançamento da campanha. Em conceito, esta campanha faz a representação do “pé na terra”, do “passo em frente”, que é conseguido através dos passos de cada colaborador, parceiro, mediador, criando esta enorme capilaridade, que aproxima a Fidelidade aos seus clientes, em qualquer parte do País e em qualquer circunstância.

«Enquanto empresa líder, que acompanha há mais de 200 anos os portugueses, com o lançamento desta campanha institucional a Fidelidade pretende reforçar a sua proximidade com as pessoas e com os seus clientes, demonstrando estar sempre presente em qualquer momento, para continuar a prestar serviços inovadores adequados às suas necessidades, mas também para apoiar e ajudar a superar situações imprevistas que possam surgir», vinca Sérgio Carvalho, director de Marketing e Clientes da Fidelidade.

A campanha conta também com uma componente muito forte de activação interna, através da oferta dos ténis visualizados no filme aos seus colaboradores e parceiros, reforçando assim a mensagem de que a Fidelidade é o resultado do trabalho, do empenho e da capacidade de superação das suas pessoas. Com a assinatura da Ivity Brand Corp, a campanha multimeios da Fidelidade conta com a participação de João Retorto como realizador do filme institucional, com produção da Playground e música original da Núcleo Audio.

A campanha vai continuar presente em  diferentes suportes de comunicação, como televisão, rádio, imprensa, cinema, meios online e meios  exteriores, para além de ser veiculada em toda a rede e pontos de venda Fidelidade.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Primeiro Porsche 911: Uma obra-prima alemã