3 exposições para visitar em Évora

Esculturas de Gonçalo Jardim, instrumentos de Victor Gama e poesia virtual e sonora são as propostas do Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida, em Évora, para o Verão. Até 30 de Setembro, as exposições “De re metallica”, “INSTRMNTS” e “VisoVox”, respectivamente, podem ser visitadas no interior alentejano.

No caso de “De re metallica”, a curadoria é da responsabilidade de Manual Costa Cabral e de José Alberto Ferreira. De acordo com a descrição disponível no site da fundação, as esculturas que compõem o trabalho juntam o desenho e a arquitectura, a aritmética e a medicina, as leis e a astronomia, além da filosofia.

“INSTRMNTS”, por seu turno, consiste numa exposição interactiva que convida a tocar, brincar, dialogar e experimentar. Com curadoria a cargo de Victor Gama e José Alberto Ferreira, combina instrumentos musicais, dispositivos acústicos e instalações sonoras.

Por fim,”VisoVox” vem interrogar as relações entre voz, linguagem e escrita, através de meios analógicos e digitais. “Mais do que dirigir a atenção para a singularidade do que se escuta e do que se vê – e para a especificidade de cada poética individual de experimentação medial -, propõe-se pensar as suas relações: relações entre voz e traço, voz e linguagem, traço e escrita, escrita e linguagem, escrita e voz.” A curadoria é de Manuel Portela, Américo Rodrigues e José Alberto Ferreira.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Robô pintor que colabora com humanos é ‘made in Portugal’
Automonitor
Conselhos para conduzir à chuva